Publicado em

Provar novas cervejas, um mundo sem volta!

Vamos tratar com novos olhares esta onda das cervejas especiais e artesanais. O gosto é mais amargo (lupulado), o preço é maior do que as opções habituais, e o consumidor?

 

O consumidor esta mudando seu habito e atitude no momento de pensar a cerveja.
Obviamente as brincadeiras rendem boas zoações do tipo “Amargor na sexta-feira, só se for na cerveja” (comentário coletado do twitter), a cerveja jamais vai perder essa essência e poder benéfico de gerar boas gargalhadas.

 

E interessante que o bebedor de cervejas especiais vai deixando a cultura se envolver no porque da bebida, sem encher a paciência dos outros sobre os defeitos das cervejas normais os embaixadores da boa qualidade da famosa bebida vão sem querer querendo, culturalizando o ecossistema com novos sabores.

 

Alem disso basta o simples beber para a atitude começar a mudar, a hashtag #bebamenosbebamelhor foi utilizada por 726 pessoas em 1 semana dentro das redes sociais. Tenha certeza que se você não provou nunca uma breja artesanal, já vai chegar o momento, e se já aprovou e tem cervejas em casa você corre perigo! Seus amigos vão querer provar essas mais caras e amargas iguarias.

 

No princípio eles vão reclamar do amargor, mas vão pegar o gostinho, é a cada nova prova sem perceber estarão apurando seus paladares e identificando estilos, qualidades e sabores inusitados dessa bebida sagrada, e esta experimentação para o paladar é um caminho sem volta.

 

Com quê relacionamos a cerveja?

 

A mudança dos bebedores de cerveja já começou. Mais e mais se encontram cervejas diferentes dividindo a atenção de todos. A variedade e imensa, permite uma experimentação e aventura unica a cada gole, o que deixa o desafio mais interessante para todos os rótulos a serem degustados.

 

Aqui um pequeno estudo sobre as cervejas mais comentadas do Brasil. Da pra perceber que marcas que ja foram muito reconhecidas vão cedendo o espaço a marcas menos conhecidas.

 

#bebamenosbebamelhor

 

Quando você menos perceber os rituais de degustação de cerveja vão virar um encontro semanal criando uma troca muito legal entre amigos, familiares ou desconhecidos que se encontraram no “bar”, basta você levar seu paladar curioso pra apreciar e beber. A propaganda deixe por conta das próprias cervejas!

 
– Aqui o link da pesquisa completa –

Cheers!

 
 

Daniel Braga
Sommelier Doemens
 
Emiliano Machado
Gastrônomo
 
 

Publicado em

O diferencial do Sommelier de cerveja.

Vivemos tempos onde o diferencial conta muito. Todos buscam de alguma forma alcançar isto em suas vidas profissionais e não seria diferente com proprietários de bares e restaurantes.
Mas como entender esta busca e o principal, como alcançá-la?

 

Neste momento que o detalhe ganha importância. Nele, muitas vezes sutil, que um estabelecimento cativa seu público e se sobressai aos demais concorrentes, torna-se o seu verdadeiro diferencial!

 

Agora vamos pensar em cerveja (que é tudo de bom!!!)

 

cerveja e rock & roll

 
Como seu estabelecimento está tratando seus clientes que gostam de cervejas diferenciadas?
 
Você tem um cardápio de comidas sensacional e uma carta de cervejas enorme e maravilhosa, mas você está atento às experiências que está proporcionando à sua clientela?
 
Ambos, comidas e cervejas estão devidamente harmonizados (ou o cliente depende apenas das informações dos garçons, muitas vezes despreparados)?

 

Se parou pra pensar muito tempo nas perguntas anteriores você acaba de perceber uma falha grave: falta atenção à qualidade da EXPERIÊNCIA do seu cliente.

 

Degustação – cervejas especiais.

 

É exatamente neste momento que entra o trabalho de um Sommelier de Cerveja. Cabe a ele, ao entender sua proposta, iniciar um trabalho apurado de avaliação sensorial, indicando assim as melhores opções de rótulos e criando as melhores harmonizações entre seu cardápio e sua carta de cervejas.

 

Como resultado, é possível antever inclusive o desempenho do seu estoque, notando a demanda ou se baseando no cardápio proposto, quais rótulos de cerveja faltam em seu estabelecimento ou mesmo quais deles se repetem desnecessariamente.

 

A parceria com esse tipo de profissional numa área tão ascendente como a Cerveja, pode antever tendências e alcançar o diferencial que o seu bar/restaurante estavam procurando além de quem, o detalhe harmônico dará ao cliente uma sensação única de qualidade, cuidado e sensações que se traduzirão em fidelização do cliente! Vamos lá?
 
 
Cheers!
 
 
Sommelier: Daniel Braga

 

Escrito por Daniel Braga.
 


Daniel Braga é analista de Sistemas e Sommelier Doemens formado pela Escola Superior de Cerveja e Malte.
 
Foto do Sommelier tirada por: Ricardo Felipe Kaun / fonte: Escola Superior de Cerveja e Malte
 
 


 
 
[btnsx id=”1821″]
 
 

Publicado em

Cervejas artesanais estão no auge

Cervejas artesanais estão no auge

Aonde tem cervejas boas?

 

As cervejas artesanais são a bola da vez, todo mundo tem, todo mundo faz… Mas então parece que o pessoal enjoou de beber suquinho de milho? Seria o fim do aditivo e da cerveja sem gosto???

 

Em nosso país as cervejas fabricadas pelas grandes marcas tem o aval da legislação Brasileira para elaborar a bebida com até 50% de milho em vez de cevada. Por isso vemos nas fórmulas uma estranha frase dizendo “cereais não maltados”.

 

Para ser considerada premium uma cerveja deve conter a quantidade máxima de 25% de cereais não maltados.

 

Neste vídeo o pessoal da cervejaria carioca “2Cabeças” do Rio de Janeiro convidou Brian Strumke e “Stillwater Artisanal”  dos EUA para a criação das cervejas artesanais Caramba! A história vale a pena.

 

Fonte vídeo: youtube Treze Brew

 

As Saisons como as do exemplo anterior são cervejas refrescantes, leves, de sabor suave e um toque ácido. Elas se caracterizam por serem versáteis na sua elaboração e aceitam diversos tipos de combinações: especiarias e outros ingredientes inusitados trazem complexidade no aroma e paladar.

 

Por serem diferentes, é uma modalidade conhecida como um “não-estilo”, que possibilita extrema experimentação e liberdade na criação da receita, neste caso as Carambolas.

 

Cervejas artesanais de todo tipo têm surgido e se destacado num mercado brasileiro cada vez mais concorrido é criativo, algumas estão no auge como “O chopp alemão” Klaus Bier, cervejas Colorado, Eisenbahn, Bodebrown, Invicta, Wäls, Bierland  entre muitas outras já estabelecidas.
 
E na ilha de Florianópolis a Cervejaria Sambaqui que tem dado o que falar.

Vale atestar!

 
 

Adoramos novidades, por isso deixamos o canal aberto para sugestões, opiniões e comentários sobre as matérias e o assunto que merece todo o sabor do nosso respeito: ALIMENTAÇÃO E BEM VIVER.